Museu Histórico Nacional: a calamidade

Aqui, no calor dos acontecimentos, um brevíssimo texto sobre o aspecto que tem analogia com a tragédia ocorrida no Museu Nacional.

Urano quadratura Marte. Urano oposição Marte. Respectivamente, trânsitos sobre o mapa do Rio de Janeiro e sobre o do Brasil (discussões sobre o horário do Brasil ficam para outro post, por favor). São aspectos típicos em situações de incêndio, falha técnica, eletrônica, problemas elétricos e acidentes envolvendo substâncias inflamáveis (Marte) e circunstâncias fora do habitual (Urano). O incêndio do Museu Nacional pode ser visto tanto no mapa da cidade quanto no do país, já que, de fato, é uma instituição federal.

incendiomuseunacional
À esquerda, o mapa da Fundação da Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro (círculo interno) e os trânsitos (círculo externo) do dia 02/09/2018. À direita, o mapa da Independência do Brasil (círculo interno) e os trânsitos (círculo externo) do dia 02/09/2018.

Desolação. Destruição de milhões de peças de valor inestimável. A perda é incalculável, sobretudo do ponto de vista histórico e de patrimônio da humanidade. Horror. Mais de duzentos anos de história e alguns milhares de anos em relíquias que chegam a remontar ao Antigo Egito. Uma tristeza sem fim. A falta de investimentos e atenção de governantes já levou ao fechamento do museu por um bom tempo. É uma das maiores instituições científicas do país. Coleções trazidas por D. João VI, Pedro I e II. Muitas obras eram necessárias, mas a instituição estava praticamente abandonada pelo poder público.

Marte, em ambos os mapas está ligado à casa 9. Esse setor, em um mapa astrológico se relaciona, entre outras analogias, ao ensino universitário. O museu pertence à Universidade Federal do Rio de Janeiro. O setor acadêmico seria um dos possíveis pontos vulneráveis numa fase assim, portanto.

Note-se que num mapa Marte se encontra em conjunção com a cúspide da 9, enquanto no outro ele se encontra inteiramente dentro da casa.

O trânsito em si não predetermina que irá acontecer algo num local específico, mas sim em torno de locais cujos assuntos, utilidades, características e situações sejam análogos ao que ele representa. Isso significa que os eventos se desencadeiam em pontos de uma cidade ou de um país ou sociedade em que existam precondições, funcionando como o elo mais fraco de uma corrente que está, inteira, sob a mesma tendência. É nesses pontos que a tendência geral se torna fato. De qualquer modo, a tensão se manifesta de outros modos, como violência, mau-funcionamento de equipamentos, imprudências gerais – hoje mesmo, dia 03/09/2018, um ônibus capotou no Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro, quando andava em alta velocidade (como absurdamente o fazem quase sempre os motoristas desses veículos naquela pista há décadas), ferindo 38 pessoas.

Acrescento outros detalhes correspondentes: Júpiter em trânsito sobre o mapa da Independência do Brasil está em quadratura com Vênus, o planeta regente da casa 9 daquele mapa, enquanto já realiza uma conjunção com o Meio do Céu (autoridades, vida pública, governantes…). Enquanto os políticos estão preocupados com as mídias e a fama (Júpiter), de olho nas eleições com grandes estratégias de persuasão através de discursos floridos, as universidades públicas estão caindo aos pedaços.

Um apelo: não votem em políticos que não têm interesse na Educação, no desenvolvimento científico e patrimônio histórico. Esse é o resultado.

(por Carlos Hollanda)

 

Anúncios